O que são probióticos, prebióticos e simbióticos

Imagem de Alicia Harper por Pixabay

Os probióticos são bactérias boas que podem ou não habitar nossos intestinos, os prebióticos são fibras alimentares que alimentam essas bactérias boas. Os simbióticos são a junção de prebióticos e probióticos em um só produto, o simbiótico é encontrado na forma medicamentosa ou alimentar. Os pro e prebióticos podem ser ingeridos de forma medicamentosa ou alimentar, eles vão ajudar no bom funcionamento do intestino e na integridade da parede intestinal. 

Os gêneros de probióticos mais utilizados são: Lactobacillus, Bifidobac­terium, Enterococcus e Streptococcus. Os prebioticos mais conhecidos são: fruto­ligosacarídeo (grãos), galactoligossacarídeos (alimentos fermentados de origem animal), inulina (encontrada em condimentos) e oligosacarídeo (frutas), o uso de fibras sempre deverá ser acompanhado de uma boa ingestão hídrica. Os simbióticos são encontrados em produtos fermentados e frutas. 

A ingestão medicamentosa tanto de probióticos quanto de simbiótico é mais comum para pacientes que possuem algum problema intestinal crônico, como: Doença de Crohn, Intolerância a lactose, Intolerância ao glúten, Diarreia Crônica, Obstipação Crônica, etc. Sempre acompanhado de prescrição médica. 

O uso de probióticos e simbióticos tem crescido durante esses últimos anos, vários estudos mostram sua importância em todas as fases da vida e para diversas doenças. Vale salientar que não deve ser usado em excesso, pois você pode causar diversos efeitos adversos. 

Atenção: As informações neste portal pretendem apoiar e não substituir a consulta médica. Procure sempre uma avaliação no Serviço de Saúde. 

Para informações mais técnicas: Scielo

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui